Sobre

Começou quando tudo deu errado. Após alguns pés na bunda (relacionamento, trabalho, etc) e uma semana de cama, na total depre, eis que surge a ideia de fazer intercâmbio. O momento era ideal, eu tinha tudo o que eu nunca tive: tempo livre, desapego e algum dinheiro.

Meu nome é Juliana Ponze, sou publicitária e designer. Sempre sonhei em morar fora do Brasil, mas sempre tinha algo que me prendia como faculdade, emprego, namorado, etc. Fiz meu primeiro intercâmbio com 29 anos e hoje considero a experiência mais enriquecedora de toda a minha vida.

 

 

Dinheiro era o único fator que me preocupava um pouco, pois não tinha o suficiente para ir e ficar os 6 meses que eu pretendia. A partir dai, comecei a botar a ideia em prática pesquisando tudo sobre destinos e ao mesmo tempo fazendo bazar com todas as minhas coisas ( roupas, patins, computador, etc). Além disso, peguei uma receita de brigadeiro gourmet na internet, arrumei uma escrava (brincadeirinha), com muita ajuda da minha primusca Julia,  linda que eu amo, comecei a vender para a família e amigos.

 

Voltando para o intercâmbio, a primeira ideia era ir pra Londres. Pesquisei o valor da Libra e vi que Londres nem era tão legal assim! Comecei a procurar informações sobre Dublin, na Irlanda, onde a moeda é Euro também. ( Minha preferência sempre foi pela Europa, por dois motivos: primeiro que eu sou apaixonada por toda cultura européia e segundo pela facilidade de conhecer vários países) Falei com um amigo que morou em Dublin, que me alertou sobre o clima e alguns outros pontos que, para mim, poderiam ser negativos e me indicou Malta, da qual eu nunca tinha ouvido falar!

Até o momento não tinha entrado em contato com nenhuma agência.

Malta? O que é isso? Uma ilha? Na Itália? É um país? Mas fala inglês lá?

Ma gentchyyyy!!

Sim, é um país minúsculo, uma Ilha no meio do mar Mediterrâneo, que fica a 90km da Sicília. Era uma colônia britânica e inglês é a segunda língua. Joga no google! Joguei… me apaixonei.

Mesmo com falta de informação, achei alguns vídeos do E-Dublin, que com certeza, todo mundo que já pesquisou sobre Malta já assistiu. Fiquei fascinada. Logo entrei em contato com a agência, onde fechei o que eu achava ser meu intercâmbio, mas era a melhor experiência da minha vida.

 

 

Tá, mas porque esse blog?

 

Se você fez intercâmbio pra Malta com certeza absoluta já ouviu a pergunta: Mas por que Malta?

E eu pergunto: Por que não Malta?

Neste blog eu quero dar muitos motivos para Malta ser seu destino número 1, independente se você vai fazer intercâmbio ou turismo! Quero te mostrar tudo o que essa Ilhota de 300 metros quadrados tem para te oferecer.

Além disso, quero te motivar a sair da sua zona de conforto! Se o seu sonho é viajar, morar fora, aprender novas línguas e culturas, conhecer novas pessoas e principalmente se conhecer, quero te dizer que, se eu consegui, você também consegue! E por que não MALTA, pra começar? 😉